Sistema Inovalácteos abre edital para seleção de startups

Startups com ideias e soluções tecnológicas inovadoras para a cadeia do leite podem se inscrever, até 12/6, no processo de seleção do primeiro ciclo de pré-aceleração e incubação do Sistema Inovalácteos (SIL).


Foto: Crédito: Nacho Doce /Reuters


25/05/2022 - Startups com ideias e soluções tecnológicas inovadoras para a cadeia do leite podem se inscrever, até 12/6, no processo de seleção do primeiro ciclo de pré-aceleração e incubação do Sistema Inovalácteos (SIL).


Serão selecionados até 40 empreendedores com projetos e/ou serviços com potencial para a resolução de gargalos existentes em todo o complexo do leite. Do início da cadeia, passando por indústria e comercialização, até a logística, entre outras atividades. O edital visa tornar o setor mais competitivo e sustentável, lembrando que os empreendimentos escolhidos receberão suporte técnico e científico para o desenvolvimento de produtos, serviços ou processos inovadores para a cadeia do leite.


Liderado pela Agência de Inovação Polo do Leite, o Sistema Inovalácteos conta com suporte institucional do Governo de Minas, por meio das secretarias de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e Desenvolvimento Econômico (Sede), além de recursos da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig).


De acordo com o gerente executivo da Agência de Inovação Polo do Leite, Airdem Gonçalves de Assis, a cadeia de lácteos está enfrentando grandes desafios decorrentes dos impactos da pandemia de covid-19. “Para superar as adversidades deste momento, é preciso aumentar a eficiência e a produtividade. Por isso, acreditamos que a solução tecnológica seja o melhor caminho. Nossas expectativas são as melhoras possíveis em relação ao chamamento do Inovalácteos”, afirma.


Procedimentos

Os interessados em participar do processo seletivo podem fazer inscrição até dia 12/06. Ao submeter o projeto, os candidatos devem apresentar a startup com o envio de vídeo de um minuto, além de descrever o problema ou demanda que se propõe a resolver, entre outras informações.


Também é preciso enviar uma apresentação em PowerPoint que contemple questões como problema/oportunidade, perfil do cliente, solução, como o projeto vai funcionar, proposta e equipe. O guia para montagem do arquivo está disponível aqui. Após o cumprimento desta etapa, os participantes serão avaliados por uma banca e o resultado será anunciado no mês de julho.


Pré-aceleração

O assessor técnico de assuntos estratégicos da Seapa, José Eduardo Ferreira da Silva, explica que a fase de pré-aceleração terá duração de dois meses e que, durante este período, serão preparadas as bases para o lançamento dessas empresas e produtos. “Queremos chegar ao final deste ciclo com projetos minimamente viáveis, que possam ser alvo de um processo de aceleração e que ganhem mercado e escala”.


Ele detalha ainda que, durante a consultoria, as startups selecionadas receberão treinamentos voltados às questões de mercado como a prospecção de novos clientes, custos da produção e a viabilidade técnica para o desenvolvimento da inovação.


O Sistema Inovalácteos conta com suporte dos parques tecnológicos presentes na Universidade Federal de Viçosa (UFV), Universidade Federal de Lavras (Ufla), Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação de Uberaba e outros atores do ecossistema de inovação.


A diretora executiva do Centro Tecnológico de Desenvolvimento Regional de Viçosa (Centev/UFV), professora Adriana Faria, salienta que toda a expertise da instituição estará à disposição do programa. “Mais de 400 startups já passaram pelo Centev/UFV. Iremos contribuir com a participação dos nossos profissionais, know-how, além da possibilidade de interação com pesquisadores, estudantes de graduação e pós-graduação da universidade. O grande objetivo é gerar novas empresas, emprego, renda e melhores produtos para a sociedade”.


Ela ressalta que nem todas as ideias inscritas terão sucesso inicialmente, o que faz parte do processo de inovação. “Só o fato de um empreendedor inscrever seu projeto, já é um ganho muito grande. Ele terá a oportunidade de se qualificar, aprender sobre gestão de negócios, desenvolvimento de tecnologias e pode se conectar com outros atores dessa cadeia. A partir das novas parcerias e aprendizados, ficará ainda mais habilitado para apresentar novos projetos”, destaca Adriana.


SERVIÇO

Inscrição e seleção de startups para fases de pré-aceleração e incubação do Sistema Inovalácteos.

Data: de 10/5 a 12/6/2022

Inscrições: https://www.polodoleite.com.br/sistema-inovalacteos

Mais informações: agencia@polodoleite.com.br


Fonte: Diário do Comércio

5 visualizações